VRML: O que é?


Autor/fonte: Márcio Serrolli Pinho e Cláudio Kirner



Digg del.icio.us

VRML é o acrônimo de Virtual Reality Modelling Language. Nas palavras de Mark Pesce, um dos seus criadores:

"O poder de VRML reside na sua capacidade de fazer uma ponte entre dois métodos básicos de comunicação humana: a imaginação cerebral e a sensação visceral".

Esta linguagem permite descrever, através de elementos geométricos, ambientes computacionais (mundos, worlds) pelos quais o usuário pode navegar e com cujas componentes o visitante pode interagir.

As principais semelhanças entre as linguagens VRML e HTML são mencionadas na seguinte comparação:

HTML:

. Textos na Web;
. É escritas em ASCII e provê descrições da informação mais do que formatos. Deve ser interpretada;
. Descreve texto 2D;
. Pode ser codificada à mão, mas existem ferramentas de autoria.

VRML:

. Gráficos na Web;
. É escritas em ASCII e provê descrições da informação mais do que formatos. Deve ser interpretada;
. Descreve mundos 3D;
. Pode ser codificada à mão, mas existem ferramentas de autoria.

Histórico:

. 1989: Silicon Graphics inicia o projeto Scenario, para projetar e desenvolver uma infra-estrutura para aplicações gráficas 3D;
. 1992: É lançado o Iris Inventor 3D, resultado do projeto acima,conjunto de ferramentas em C++ com características do VRML contemporâneo;
. 1994: É distribuída a segunda versão do Iris, chamada Open Inventor. Esta versão é portável, pois é baseada no OpenGL;
. 1994: Mark Pesce e Tony Parisi controem um protótipo de navegador 3D para a WWW chamado Labyrinth. Cria-se uma lista de discussão por e-mail sobre VRML. Decide-se usar o Open Inventor como ponto de partida. O VRML 1.0 é apresentado em outubro deste ano, na Second International Conference on the WWW, Chicago;
. 1995: São feitas pequenas modificações ao VRML 1, até ser constatada a necessidade de se lançar uma nova versão com suporte à animação, interação e modelagem comportamental;
. 1996: Faz-se a chamada de propostas para a nova versão em janeiro, e a mais votada é a feita conjuntamente por Silicon Graphics, Sony e Mitra. VRML 2 é lançado no SIGGRAPH 96 em New Oleans em agosto;
. 1997: O ISO (International Standards Organization) aprova o padrão de 1996 como a linguagem VRML 2.

Estas notas não têm por objetivo ser um manual completo sobre VRML, pois para isto existem textos mais adequados. A proposta aqui é a de visitar as principais características da linguagem, explorando a sua expressividade e procurando destacar os elementos que serão de utilidade para a concretização do projeto. Para mais detalhes o leitor ou leitora pode consultar as referências bibliográficas.




Enviado por xKuRt em 26/09/2006 às 13:57


Avaliação

Esta publicação ainda não foi avaliada!


Avaliar:


A avaliação de publicações é restrita a membros cadastrados e logados no nosso site.



Comentários

Este artigo ainda não foi comentado ou o(s) comentário(s) que foi(ram) enviado(s) a ele ainda não foi(ram) publicado(s).


Envio de comentário:




  

Quinta, 17 de Abril de 2014




Top 5 membros

Últimos membros online

Últimos membros cadastrados



Capa do livro
Ruby on Rails: Desenvolvimento Fácil e Rápido de Aplicações Web


Capa do livro
Cloud Computing - Computação em Nuvem - Uma Abordagem Prática


Capa do livro
Sistemas Operacionais





Hostnet

IMD