Monitorando a performance do seu disco rígido


Autor/fonte: Gilberto Sudré
E-mail/Url: http://www.freecode.com.br/drartigos/artigo.php?cdart=281&id=3012
Tags: [ hd ]



Digg del.icio.us

Se você acompanha os lançamentos de Sistemas Operacionais e aplicativos, tenho certeza que já notou que a cada nova versão estes programas ficam maiores. Isto é devido a acirrada competição no mercado de software, exigindo que a cada novo lançamento, além das correções dos erros conhecidos, inclua uma coleção extensa de inovações. Estas características adicionais acabam por aumentar o tamanho do arquivo executável e assim ocupar uma área maior na memória principal e no disco rígido do computador.

Quando você clica em um icone com o objetivo de executar um aplicativo, o arquivo deste programa é carregado para a memória principal (RAM). Como esta memória normalmente não comporta todos os programas em execução simultânea no computador, o Sistema Operacional utiliza como extensão da memória principal, uma parte do disco rígido, também chamada de arquivo de Swap (Swap File). Por ser um elemento “mecânico”, a velocidade de acesso às informações gravadas no disco rígido é pelo menos 1000 vezes mais lenta quando comparada a memória principal.

Por isto tudo, se vamos mesmo precisar do disco rígido para executar programas, é importante verificar como está a performance deste periférico ou quem sabe comparar estas características antes de assinar o cheque para comprar um novo HD.

O HD Tune é um utilitário gratuito, compatível com o Windows 2000 e XP. Possui opções para medir características como: taxa de transferência, tempo de acesso e temperatura de funcionamento. Este aplicativo também exibe outras informações detalhadas sobre o funcionamento do disco rígido como a versão do firmware ou número de série. Faz parte ainda da lista de funções desta ferramenta o teste de superfície, que procura no HD áreas com problemas de leitura ou escrita. Ele é simples de instalar e operar.

Outro utilitário interessante é o HD Tach. Esta ferramenta, além de fazer os testes de performance para discos rígidos convencionais também pode avaliar o funcionamento de memórias Flash. Possui suporte aos Sistemas Operacionais Windows 2000 ou XP e dispõe de uma versão sem suporte, mas que funciona no Windows 9x e ME.

Para quem usa o GNU/Linux a avaliação dos discos e mais fácil ainda através do utilitário hdparm. Esta ferramenta, presente na maioria das distribuições, permite testar a performance e alterar parâmetros da configuração dos discos para melhoria do acesso as informações.

Fique de olho na eficiência do disco rígido de seu computador, pois a rapidez ou lentidão na execução dos programas também depende disto.




Enviado por xKuRt em 03/07/2009 às 07:25


Itens relacionados

Blu-ray e HD-DVD: entenda as diferenças e veja se vale investir
HDs diminuem de tamanho e aumentaram sua capacidade; veja história
HDs supergrandes guardam milhares de fotos e centenas de horas de vídeo; veja teste
Rápidos, HDs supergrandes transferem um DVD em menos de 50 segundos
Discos rígidos externos estão maiores, com mais funções e mais baratos
Espaço em disco não é problema: HD externo de 750 GB
HDs supergrandes têm instalação simples, mas exigem placa mãe com barramento SATA
Informática é grande nicho para sucessores do DVD, mas preço não ajuda
Aplicações que exigem acesso constante ao disco ganham mais
Alta definição depende da mídia, mas também da TV

Listar todos itens relacionados

Avaliação

Esta publicação ainda não foi avaliada!


Avaliar:


A avaliação de publicações é restrita a membros cadastrados e logados no nosso site.



Comentários

Este artigo ainda não foi comentado ou o(s) comentário(s) que foi(ram) enviado(s) a ele ainda não foi(ram) publicado(s).


Envio de comentário:




  

Sábado, 19 de Abril de 2014




Top 5 membros

Últimos membros online

Últimos membros cadastrados



Capa do livro
Tcp/Ip - Guia De Consulta Rapida


Capa do livro
Construindo Aplicações Web com PHP e MySQL


Capa do livro
Construindo Aplicações Web com PHP e MySQL





Hostnet

IMD