BMW migra de UNIX pra Linux com Intel


Autor/fonte: OLinux
E-mail/Url: http://olinux.uol.com.br/news/open_news.phl?id=7172
Tags: [ bmw ] [ linux ] [ intel ]



Digg del.icio.us

07 de Outubro de 2007 às 12:10

A montadora BMW migrou diversos servidores UNIX para servidores Linux Intel. A companhia possui 80.000 desktops e 6.000 servidores suportando cerca de 4.500 aplicações. A empresa tem cerca de 100.000 empregados e fabrica perto de 1,4 milhões de veículos por ano.

Cerca de 3.000 empregrados trabalham em TI na empresa. A empresa acredita que a migração pra servidores Linux Intel irá acelerar o desempenho do desenvolvimento de produtos. O TI usa servidores SUSE e Red Hat Linux.

A BMW aluga a maioria do seu parque de máquinas o que dá agilidade pra atualizações tecnológicas.




Enviado por xKuRt em 08/10/2007 às 06:33


Itens relacionados

Somente 8% das PMEs de software nacionais usam Linux
GNOME completa 10 anos
Linux na Copa do Mundo de Robôs
Tecnologia criada pela Intel potencializa uso de memória RAM
Intel lança plataforma de chips vPro para mercado empresarial
Processador Pentium da Intel faz aniversário hoje
Intel produzirá chip para computadores de baixo custo
Pressionado para abandonar ClassMate, Intel deixa conselho da OLPC
Linux e Windows travam "guerra" nas eleições dos EUA
Intel comprará certificados de energia

Listar todos itens relacionados

Avaliação

Esta publicação ainda não foi avaliada!


Avaliar:


A avaliação de publicações é restrita a membros cadastrados e logados no nosso site.



Comentários

Este artigo ainda não foi comentado ou o(s) comentário(s) que foi(ram) enviado(s) a ele ainda não foi(ram) publicado(s).


Envio de comentário:




  

Sexta, 19 de Dezembro de 2014




Top 5 membros

Últimos membros online

Últimos membros cadastrados



Capa do livro
Introdução ao Data Mining: Mineração de Dados


Capa do livro
Introdução ao Desenvolvimento de Aplicativos para o Android


Capa do livro
Java Para Iniciantes





Hostnet

IMD